QUALIDADE DA DIETAImagem-2

ASSOCIAÇÃO ENTRE QUALIDADE DA DIETA E FATORES DE RISCO CARDIOMETABÓLICO EM MULHERES NA PÓS-MENOPAUSA

08/04/2013

RESUMO

INTRODUÇÃO:

O climatério é a fase da vida da mulher na qual ocorre a transição do período reprodutivo para o não reprodutivo. Além do aumento no peso corporal total, a menopausa tem sido associada a um maior acúmulo de gordura abdominal. O Índice de Qualidade da Dieta tem sido desenvolvido para se obter uma medida resumo das principais características da alimentação, facilitando a avaliação da qualidade da dieta, pois permite uma avaliação indireta de nutrientes. Dentro desse contexto, o objetivo principal desse estudo é verificar a associação entre qualidade da dieta e fatores de risco cardiometabólicos em mulheres na pós-menopausa. MÉTODO: Estudo transversal com 215 mulheres na pós-menopausa atendidas em um ambulatório público. O consumo alimentar foi avaliado por Recordatório de 24 utilizado para calcular o Índice de Qualidade da Dieta: > 80 pontos (dieta adequada), 80-51 pontos (dieta “precisava melhorar”) e <51 pontos (dieta pobre). Teste exato de Fisher foi utilizado para a análise estatística. RESULTADOS: A análise do consumo alimentar revelou que a mediana da ingestão diária de calorias foi de 1619,4kcal. Observou-se que a mediana do consumo de lipídios (35,6% do VET) e sódio (2521,5mg) estão acima do recomendado. Com base nos valores do Índice de Qualidade da Dieta, a dieta foi considerada pobre para 16,3% das mulheres, precisando melhorar em 82,8% e saudável para 0,9%. Sobrepeso e obesidade estavam presentes em 68,8% das participantes. CONCLUSÃO: As mulheres consomem uma dieta pobre em qualidade atribuída possivelmente à baixa ingestão de verduras e legumes e consumo excessivo e inadequado de lipídios e sódio. Essas práticas alimentares inadequadas causaram um impacto negativo sobre os fatores de risco metabólicos como a composição corporal. Palavras-chave: menopausa, índice de qualidade da dieta, fatores de risco cardiometabólicos.

 

Danyelle de Almeida Ventura

“Dissertação apresentada à Pós- Graduação em Saúde da Criança e da Mulher como parte dos requisitos para obtenção do título de Mestre em Ciências da Saúde”

Orientadora: Vania Matos Fonseca

Co-orientadora: Lizanka Paola Figueiredo Marinheiro

Rio de Janeiro Março / 2013

lizanka